25 de junho de 2024

Família compartilhou a mensagem que recebeu da escola nas redes sociais em forma de denúncia

Publicado pela coluna Nós, do portal Terra, em 10/05/2024

A escola particular Asas de Papel, localizada em Feira de Santana, na Bahia, está tentando impedir a participação de mães lésbicas em um evento em comemoração ao Dia das Mães, que será celebrado no próximo domingo, 12. A denúncia foi feita por meio das redes sociais, e repercutida pela jornalista Lorena Coutinho.

De acordo com a repórter, o casal formado por Mariana e Larissa enfrentou a situação com a filha de quatro anos. Elas receberam um comunicado da escola, em que precisariam escolher apenas uma das duas como representantes para participar da homenagem às mães. 

“Estamos preparando esse momento com todo carinho que a mãe ou o representante merece, contudo, tratando-se de um ambiente de educação, no qual a construção e cumprimento de regras inclui a ética e respeito, ao direito do outro, enviamos um comunicado anterior, enfatizando que cada criança terá direito somente a um representante por família”.

O casal tentou argumentar com a escola e reforçou que se tratava de duas mães da criança em questão. “Iremos as duas. Qualquer constrangimento, como este, será novamente uma denúncia em relação a justiça e canais de comunicação”.

Em tréplica, a escola alegou que está tentando tratar todas as pessoas igualmente e ficaram perplexos com a “ameaça de exposição pública”. 

O Terra buscou contato com a escola, mas não teve retorno. A reportagem será atualizada em caso de manifestação (veja link acima).

Clipping LGBT+ no Instagram
Clipping LGBT+ no Threads
Clipping LGBT+ no Facebook

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *