21 de maio de 2024

O grupo Famílias pela Diversidade, coletivo formado por ativistas LGBT de nove estados no Brasil, emitiu hoje nota de repúdio contra a indicação de suspensão temporária do mandato do deputado federal Jean Wyllys, por parte do relator de denúncia contra o parlamentar no Conselho de Ética da Câmara. Confira abaixo o teor da nota.

“O relator da denúncia contra o deputado Jean Wyllys no Conselho de Ética da Câmara indicou suspensão de mandato por 120 dias. Baseando-se num vídeo comprovadamente fraudado segundo laudo pericial da Polícia Civil, essa atitude corrobora o quanto a “punição” se dá, tão somente, pelo deputado ser o único gay assumido no Congresso brasileiro. O relator, deputado Ricardo Izar (Partido Progressista), junta-se ao atual “circo dos horrores” no qual nosso cenário político parece se resumir atualmente.

Num Congresso onde cerca de metade dos seus integrantes é citada em esquemas de corrupção, elaborar um parecer indicando a suspensão do mandato de Jean Wyllys, dada sua reação após anos consecutivos de insultos, ameaças, difamações, quase que exclusivamente homofóbicas, proferidas por uma pessoa que defende e exalta publicamente um torturador, que faz apologia ao estupro e publica vídeos em redes sociais com informações falsas sobre o ensino de igualdade de gênero nas escolas, que internacionalmente é reconhecido como misógino, homofóbico e facista, faz com que, se aprovado o parecer, seja reforçada toda história de opressão e violência dirigida à população LGBT.

O Código de Decoro Parlamentar também manterá punições seletivas e injustas? Será utilizado, de modo transversal, para punir a vítima novamente, numa litania ridícula?

Nós, do coletivo “Famílias pela Diversidade”, apoiamos o Deputado Jean Wyllys e nos solidarizamos com todos aqueles que defendem minorias em situações de risco, todos aqueles que se expõem e reagem à violência e às tentativas de silenciamento que a população LGBT se vê exposta cotidianamente.

Lutamos incansavelmente por uma sociedade equânime e combatemos toda manifestação que resulte em exclusão, todo discurso fundamentalista, toda postura LGBTfóbica, toda ação que cause dor, sofrimento, suspenção de direitos e incite a violência, que discrimina outros iguais pela orientação sexual, pelo gênero, pela cor ou classe social.

FAMÍLIAS PELA DIVERSIDADE apoiando Jean Wyllys!”

•••

CLIQUE AQUI E CONHEÇA A PÁGINA DO CLIPPING LGBT NO FACEBOOK.

1 thought on “Famílias pela Diversidade emite nota de repúdio contra indicação de suspensão de mandato de Jean Wyllys

  1. Todo mundo aceita as atitudes homofóbicas do bolsonaro. Depois de anos de desrespeito, o Jean Wyllys reage, e aí as pessoas vem cobrar dele “compostura” (uma compostura que nunca cobraram do bolsonaro, como se ofender gays fosse aceitável e normal). Aí o algoz (o bolsonaro) vira vítima e a vítima real (o Jean) passa a carrasco, por causa de uma única reação que teve à tantas ofensas sofridas. Cobram autocontrole do Jean Wyllys como se ele fosse obrigado a ter sangue de barata.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *